Inspirações
06 nov 2017

Para viver mais leve: arrume

O tema parece ficar mais recorrente no blog quando o fim do ano se aproxima ou quando alguma grande mudança está para acontecer. Mas é assim com todo mundo certamente. Mudança de fase, de folha de calendário, nascimento de filho, novo trabalho, mudança de projeto, de casa, toda mudança exige arrumação. E parar para pensar na importância dessa arrumação é se permitir se livrar de um peso tão grande no dia a dia!

A gente por vezes não se dá conta, mas para viver mais leve, é preciso ter menos, guardar menos, acumular menos e por fim, gastar menos porque a gente sabe certinho, certinho tudo o que tem e onde cada coisa está,  então não gasta à toa. Não consome em vão. E nem tem vontade de acumular de novo!

Esse pensamento tem me guiado em arrumações que tenho feito em casa, no home office, no guarda-roupa, na cozinha e toda rotina parece fluir melhor com isso. Para ilustrar e animar sua arrumação de vida por aí, já que para o planner semanal já teve um impulso, vão painéis ao estilo pegboard e algumas ideias organizadoras por meio deles.

Pegboard colorido super inspirador para arrumação do ateliê, oficina, lavanderia ou home office – vi no Instagram do http://thecraftedlife.com/, já conhece o blog?

Um pegboard nada mais é que uma madeira compensada com furos para encaixar estantes e penduradores onde necessitar. Vale para criar painéis temáticos, permitir segmentação de objetos ou uma decor minimalista.

Com painéis estilo pegboard ou aramado, você evita ter gavetas cheias de coisas desnecessárias e visualiza tudo que precisa de forma estética e decorativa

Longe de ser uma possibilidade em minha mini cozinha, mas se é possível por aí, pense em usar murais como esse também para utensílios, instrumentos e até para tampas e panelas!

►►►Pode ser interessante rever:

Arrumação do espaço de trabalho, de criação e armário durante a gravidez

Mesh board ou aramado para organizar mesa de trabalho, fiz aqui e deu certo!

Trato na área de serviço: organização e novas aquisições para o dia a dia.

Inspire-se e torne a vida mais leve (e decorada) também!

Materiais
27 out 2017

Organização de tarefas com planner A.Craft

Não é de hoje que eu uso um planner no lugar de uma agenda para organizar meu dia a dia de trabalho… Como autônoma e dona do próprio nariz na hora de definir prioridades, tarefas, gerenciamento de tempo e outros afazeres fora do trabalho, essa ferramenta tem sido fundamental na minha rotina. E por quê um planner e não uma agenda? Além da atratividade e estética que me impulsionam a usar diariamente, a me manter organizada e fiel a suas páginas, te mostro a seguir algumas funcionalidades que me atraem bastante. Para completar, também mostro como é o planner da marca A. Craft que estou usando esse ano e já garanti a versão 2018. Vamos ver vantagens, como uso e detalhes a seguir?

Planner A.Craft com blocos de trimestre 2018, capa, caneta e queridos washitape para decorar

Capa reutilizável, blocos por trimestre e acessórios

Começar o ano com novidade é um empurrão para novos projetos e novo gás no trabalho! Dessa forma, é inevitável não querer caderno de anotações e agenda novos para anotar e gerenciar tarefas, certo? Sim e não com um planner como da A.Craft! Explico: com esse modelo que escolhi para me acompanhar durante 2017, posso facilmente trocar todo seu miolo e me encantar pelas novas cores e capas, incorporar novos acessórios como envelopes, réguas, cadernos…

Mas manter capa que estava perfeita e adoro, continuar com bloco do último trimestre do ano anterior para manter anotações de projetos e informações importantes e até mesmo manter em uso mesmo bloco de notas do mesmo formato dos blocos de trimestre. Essa é uma super vantagem para organização e motivação: saem períodos que chegaram ao fim, deixam de pesar na bolsa, mas ficam os dados importantes, aqueles lembretes e senhas importantes, número ou nome que até sabe onde anotou no bloco mais recente de meses e a funcionalidade que já faz sentido e já é conhecida no para o dia a dia.

Já deu para sentir aí a diferença com a agenda? Ao longo desse ano, por exemplo, por poder encaixar nos elástico os cadernos de meses, sempre deixei apenas de um ou dois trimestres para tornar o conjunto mais leve e ergonômico. Coisa que seria impossível em uma agenda comum.

Organização diária e metas da semana

Com tarefas de diferentes clientes, afazeres com cuidados da casa e bebê, além de anotações de eventos, viagem, reuniões, fica fácil se perder nos compromissos diários sem listas e anotações. Desde que me entendo como autônoma, não começo o dia sem uma organização de tarefas e muitas vezes numerando prioridades e também períodos para realização. Normalmente minhas tarefas vêm com números na frente e depois de realizada, tico e para passar para a seguinte.  Isso porque é bem comum tanto a vontade gigante de mesclar atividades e fazer tudo ao mesmo tempo sem muita ordem tanto a possibilidade de sobrar algo para o dia seguinte. Assim,  é sempre importante elencar quais são mais emergenciais e se lembrar que cada coisa deve ser feita na sua vez.

Dias da semana visíveis em duas páginas, bloco de metas e períodos

Com o planner, busco criar essa listagem diariamente e no início da  semana, por todos os dias estarem nas duas páginas, já dividir outras tarefas já sabidas dos dias seguintes. Só essa simples atitude já me ajuda a diminuir ansiedades e conseguir olhar de forma mais ampla para minhas pendências, entregas ou compromissos.

Um outro ponto que torna a semana mais eficaz é determinar nos espaços acima da página as metas gerais da semana. Nesses bullets eu acabo misturando coisas pessoais e de trabalho. É possível tanto ter “organizar armário”, como “pagar contas” como “entregar relatório”. Essas seriam macro tarefas que podem ser realizadas em mais dias da semana mas seria excelente cumprir até a sexta. E que alegria é fazer seu tique ao fim da semana, sucesso!

Itens úteis para uso diário do planner

Já que essa ferramenta de organização está longe de ser só uma agenda, já aproveito para enumerar alguns acessórios muito úteis além dos blocos de trimestres que está usando. Aqui vão:

  • Envelope plástico para guardar notas, cartões de visitas, papéis importantes como contas ou comprovantes
  • Divisória com porta-canetas e suporte para folhas
  • Régua para criar quadros, tópicos, fazer traços
  • Caneta que sempre precisa estar a postos
  • Gosto de ter clipes e fitas washi para prender recados ou notinhas importantes além de destacar assuntos ou dias

►►►

Fica meu depoimento sobre as vantagens do uso do planner e como fez diferença na organização da minha rotina! Esse modelo foi criado pela marca autoral e super pioneira desse modelo no Brasil A.Craft! Recomendo e admiro muito a criatividade e credibilidade desse negócio criativo. Espero que gostem do post e seja útil para quem procura uma nova forma de organização diária!

P.S.:Nem entrei no mérito por não ser a pessoa que faz decorações nem tem a letra mais linda, mas também vale complementar que manter suas folhas bonitas e atrativas como muitas adeptas amam pode ser mais um motivo de manter os dias bem organizados! Vai mais essa dica!

Inspirações
25 fev 2016

O “gosto de antigamente” virou atual

bike

Faz tempo que ando pensando sobre e notando evidências e bons exemplos… Mas há pouco, com tantas inquietações econômicas e também reflexivas que estamos passando, parece cada vez mais claro: hábitos de antigamente nunca foram tão atuais.

As nossas vontades e até mesmo tendências têm nos levado a desejar fazer e praticar o que por muito tempo ficou adormecido, parecia ir contra à vida “contemporânea”, prática, e tão almejada.

Hoje, se parar para pensar, o que a gente mais quer é consumir a fruta e os legumes que estão expostos em uma cesta, sem embalagem e do produtor local, se a gente puder leva todo dia o almoço para o trabalho em bolsas térmicas para conservar o sabor e a qualidade de casa mesmo de longe, a gente dá um supervalor aos momentos ao ar livre e o que mais se vê é o desejo de andar de bike, ir à praça, sentar para curtir um pouco de bucolismo na vida corrida.

Ah, e falando em metas na vida e tempo, muito dele, também passamos aprendendo a sermos mais autônomos e independentes: hobbies como cozinhar, jardinagem, costura para fazer as próprias roupas e artigos pra casa nunca estiveram tão em alta. Do programa de tevê ao curso online. Aprender ofícios como esses já não soam de outras épocas… São o agora.

frutas

Já se falarmos de moda, bem-vinda e linda será aquela peça feita pra gente, costurada com esmero, acessórios artesanais, joias autorais. No âmbito dos negócios criativos, fazer e vender geleia, fornecer flores por um entregador não motorizado, oferecer jantares em casa e até mesmo propor permutas de produtos, serviços ou expertises são só alguns exemplos do que é visionário hoje e poderia ser tão comum em outros tempos…

A gente quer muito e o mundo parece precisar muito dos novos anseios atuais. O luxo é poder praticar o simples: ter a comida fresca, o tecido de verdade, o atendimento atencioso, o tempo com ar puro, o bolo quente, uma horta pra chamar de nossa, a bainha da costureira da esquina, as horas no parquinho, a troca de trabalhos, o papo com o vizinho e o embrulho feito à mão.

embrulho

Se isso era gosto de antigamente… Sorte a nossa termos percebido que nos dias de hoje isso mais que pode e deve ser o sabor do cotidiano. O handmade vai por esse caminho e a vida toda pode permitir esse mesmo espírito.

Cola incentiva e essa pessoa atrás dos tons verde água e botões pensa cada vez mais nas vantagens desse retrocesso que, na verdade, é só avanço. :)

Imagens Shutterstock